PARA A CULTURA

A Força da Cultura.

Veja as metas

  • 1

    Reposicionar o papel do patrimônio artístico e cultural no desenvolvimento econômico e na agenda pública.

  • 2

    Promover as sinergias entre a cultura e o turismo, com prioridade na geração de emprego e renda, incrementando também o papel transversal da cultura junto às diferentes funções de governo.

  • 3

    Fomentar a força produtiva dos setores criativos, com foco no incremento das cadeias produtivas das artes, da cultura, do lazer, do entretenimento e do turismo, contribuindo para diversificar as matrizes econômicas do Estado.

  • 4

    Melhorar o ambiente de negócios para os segmentos das artes, cultura, lazer e entretenimento, visando ampliar o seu potencial de geração de trabalho, emprego e renda.

  • 5

    Criar o programa Ações Locais e Territórios de Cultura, garantindo recursos da lei de incentivo e do fomento direto pra as diversas linguagens, manifestações e modos de produção cultural nas favelas, periferias e territórios populares.

  • 6

    Fortalecer iniciativas que promovam e qualifiquem o uso instrumental da cultura na promoção dos direitos sociais e humanos, combate às desigualdades e preconceitos de gênero, raça, identidade, e a intolerância religiosa, bem como promovam a acessibilidade e inclusão das pessoas com deficiência e idosos.

  • 7

    Desburocratizar e ampliar o fomento das atividades culturais, aprimorando os editais de fomento, com prioridade para o atendimento aos territórios populares, periferias da metrópole e interior do Estado.

  • 8

    Recuperar e modernizar a gestão dos equipamentos culturais do Governo do Estado do Rio, através de investimentos na infraestrutura e adoção de modelos de gestão que desenvolvam parcerias e potencialidades com organizações privadas e da sociedade civil.

  • 9

    Fomentar iniciativas culturais que contribuam para estimular inclusão produtiva, a mobilidade social e o repertório cultural e criativo da juventude popular.

Baixe todas as propostas